Home / AtrativosTurísticos em São José dos Pinhais / História da Colônia Murici

História da Colônia Murici

Em abril 1878 vieram para São José dos Pinhais cerca de 560 imigrantes de origem polonesa, vindos da Galícia e da Prússia Oriental (região da Cracóvia) e de origem italiana,  vindos de Trento, que se situaram em 2.891 hectares de terra, distribuídos em quatro colônias. Uma delas foi a Colônia Murici, além da Zacarias, Inspetor Carvalho (Gamelas) e Accioly.

colonia murici
História da Colônia Murici

Depois de abrir a mata fechada por araucárias (pinheiros, árvore típica da região), era preciso fabricar as residências. Estas foram feitas com os troncos destas árvores. Como não tinham ferramentas adequadas, o jeito foi usar a técnica aprendida na Europa (chamada de Dom Weglow, típica da região das aldeias do sul da Polônia), na qual as casas eram feitas em módulos de encaixe, sem pregos, e revestidas com uma “argamassa” especial.

Como no país de origem, a religião católica era predominante, logo surgiu a necessidade espiritual de um local apropriado para os encontros religiosos, que fez com que se erguesse uma igrejinha de madeira (por volta de 1881-1884), feita pelos próprios moradores. Mas, foi com a vinda, em 1900, do primeiro pároco, padre Karoll Dworaczek, que se deu início a igreja de alvenaria da colônia, que é hoje o prédio da Paróquia Sagrado Coração de Jesus, na rua João Lipinski.

História da Colônia Murici
Colônia Murici – Paróquia Sagrado Coração de jesus

 

Como vários desses descendentes eram de origem rural nos seus países de origem, os imigrantes e descendentes que se instalaram na Colônia Murici se dedicaram à agricultura, que até hoje é o setor econômico predominante na região.

História da Colônia Murici
Casa de Cultura Polonesa Padre Karol Dworaczek

 

Um acervo, que conta a história da imigração polonesa de São José dos Pinhais, está disponível na Casa de Cultura Polonesa Karol Dworaczek, situada também na rua João Lipinski.

Conheça mais alguns detalhes da História da Colônia Murici:

Localização

> Às margens do Rio Miringuava, numa área de 2.891 hectares.

> Foi batizada como Colônia Murici em homenagem ao médico José Cândido da Silva Muricy.

 

Atividades

> Os moradores dedicam-se, em sua maioria, ao plantio de hortifrutigranjeiros, à criação de aves, bovinos e suínos e à produção de vinho.

Além das tradições mantidas na Páscoa e na véspera de Natal, a Colônia realiza, a Festa da Colheita.

Fonte: Prefeitura de São José dos Pinhais

Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •