Últimas notícias
Home / Notícias / Curitiba / Entrada do Afonso Pena ficou travada por taxistas em protesto

Entrada do Afonso Pena ficou travada por taxistas em protesto

Um grupo de cerca de 150 taxistas, de Curitiba e São José dos Pinhais, realizou um protesto na madrugada desta quinta-feira (08), por volta das 4h30, na entrada do Aeroporto Internacional Afonso Pena, em São José dos Pinhais

Entrada do Afonso Pena ficou travada por taxistas em protesto
Entrada do Afonso Pena ficou travada por taxistas em protesto

Segundo testemunhas, os taxistas queimaram pneus e bloquearam a pista que dá acesso ao aeroporto por mais de uma hora. Passageiros que tinham voos nos primeiros horários tiveram que desembarcar nas vias de acesso por causa dos bloqueios. Apesar da ação dos taxistas, nenhum voo registrou atraso no aeroporto.

A Polícia Militar afirmou que mesmo com o tumulto, o protesto foi pacífico. A manifestação da categoria é contra o adiantamento da votação na Câmara dos Deputados do projeto que regulamenta o aplicativo Uber em todo o país. A votação que era pra acontecer ontem (07), mas foi adiada para a próxima semana. O presidente da casa, Rodrigo Maia (DEM), argumentou que adiaria essa pauta porque o assunto vai gerar mais um atrito entre a Câmara e a sociedade.

Tentativa de agressão

Na noite de quarta-feira (07), às 21h30, também teve protesto dos taxistas, desta vez na Avenida Presidente Affonso Camargo, em frente à rodoviária de Curitiba. A manifestação durou uma hora e os manifestantes impediram o acesso ao terminal. A Guarda Municipal e a Polícia Militar deram apoio a ocorrência. A PM registrou uma tentativa de agressão a um motorista do Uber e precisou intervir para acalmar os ânimos. Depois disso, nenhum outro incidente foi registrado.

Tribuna Online

Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Veja também

Exposição de Orquídeas no Shopping São José

Shopping São José realiza 3ª edição de Exposição de Orquídeas   Na ocasião, mudas e ...

2 Comentários

  1. Taxi chegou primeiro.Tem taximetro.Tem lugar pra todo munbdo debaixo do sol.Deixem os taxistas trabalhar

    • Chegaram primeiro e não aprenderam a valorizar cliente e fazer um serviço justo. E daí que eles tem taxímetro? O Uber também tem, se nunca usou o sistema não fale do que não sabe. E quem não está deixando os outros trabalharem são os taxistas que além de não melhorarem o serviço estão impedindo a livre concorrência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.